Resenha: A Vovó Chamou o Diabo para a Ceia, de Juliana Daglio



Famílias disfuncionais e dramas familiares são temas recorrentes no terror. Afinal, o que melhor que uma reunião de família para que as coisas se tornem desastrosas?


É numa dessas reuniões, no Natal, que se passa a história dessa família Vieira, de A vovó chamou o Diabo para a ceia. A avó da família, antes de morrer, deixou um vídeo gravado, e queria que seus filhos e netos se reunissem no Natal para assisti-lo. O que ninguém imaginava era que a avó teria feito um vídeo dizendo o quanto odiava sua própria família, e soltar um segredo horrível: ela tinha feito um pacto com o Diabo, e até a meia noite todos estariam mortos – todos os que estavam na casa, que eram os que mereciam morrer; aqueles que não tinham aparecido para a ceia, até aquele momento, estavam salvos.

No decorrer do livro somos apresentados aos pecados e aos problemas dessa família: fofoca, intriga, inveja, problemas normais que as vezes aparecem em reuniões familiares, mas com o agravante de que o diabo estava em seu encalço.
Daí em diante a noite da família se torna um desastre. Todos acusam um ao outro, tudo começa a dar errado.
Em determinado momento você até se pergunta se a avó fez mesmo um pacto ou só quis mostrar quão monstruosos aquelas pessoas eram umas com as outras. Em determinado momento, eles começam a perceber pontos positivos entre eles. Existem variações de humor que demonstram várias faces desses membros da família Vieira.

E é isso que faz a narrativa de Juliana Daglio tão interessante. Com um tema bastante utilizado nos últimos tempos com o cinema de horror, a família é combustível para pesadelo de muita gente, e a autora utiliza isso muito bem a seu favor: ao colocar essa família presa em uma casa, na noite de Natal, com problemas que todos nós já vivenciamos com nossas próprias famílias, é impossível não se identificar; e esse, sem dúvida, é um dos elementos mais importante do horror, a identificação com a vítima, sentir o medo daqueles que estão em perigo, ter seu próprio medo.

É um conto muito interessante, prende sua atenção e faz com que você queira chegar ao final e entender o que está acontecendo realmente; e o final não decepciona. É um conto rápido, de leitura muito fluida, um ritmo gostoso, ótimo para se ler numa tarde dublada com uma xícara de café (ou em alguma reunião familiar, e imaginar: e se você a sua família?)

O ebook pode ser comprado no site da Amazon por R$2,99: A vovó chamou o Diabo para a ceia
Caso não tenha um leitor kindle, o aplicativo pode ser baixado para PC, tablet ou celular AQUI

Juliana Daglio também é autora de Uma canção para a libélula e está na coletânea O maior espetáculo da terra.

Jéssica Reinaldo

Jéssica Reinaldo

Formada em História, escreve e pesquisa sobre terror. Tem um afeto especial por filmes dos anos 1980, vampiros do século XIX e ler acompanhada de um café quentinho. Siga nas redes: Twitter | Facebook | Instagram

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários educados são sempre bem recebidos!

Mas não aceito nem tolero ofensas, comentários impossíveis de compreender, spams e qualquer tipo de intolerância.

Os comentários são moderados, por isso aguarde a aprovação!

Instagram