Cantigas no Escuro, várias autoras



Cantigas no Escuro é uma coletânea de contos fantásticos de seis autoras brasileiras que flertam e tem muitos elementos de horror. Com a temáticas da cantigas infantis, os contos presentes nessa coletânea, organizada por Laura Pohl, são muito divertidos e bem assustadores.



O livro reúne os contos Diga adeus e vá-se embora, de Jana Bianchi; Na Beira do Rio, de Iris Figueiredo; Juro que te amo, de Solaine Chioro; Escamas de Espinhos, de Gabriela Martins; Dourado, de Emily de Moura; e Algo Teu, de Laura Pohl. A capa e as ilustrações foram feitas por Dante Luiz.



Todas as histórias possuem como tema alguma cantiga infantil. No caso de Diga adeus e vá-se embora, a cantiga Ciranda, Cirandinha é utilizada como base para uma incrível história sobre primos que estão em uma fazenda tentando se divertir e tem a ideia de filmar um curta metragem de terror, mas acabam encontrando uma caixinha amaldiçoada. Em Fui no Tororó, conhecemos a história de uma garota que acaba descobrindo o passado estranho de uma moça na fazenda de sua amiga. A cantiga Se essa rua fosse minha é utilizada na história Juro que te amo, e talvez uma das histórias mais assustadoras da coletânea, onde duas irmãs acabam encontrando um anjo que esperou muito tempo para encontrar aquela quem diz amar. Escamas de Espinhos, baseada em O cravo brigou com a rosa, é uma história importante sobre relacionamentos abusivos e a encontrar sua própria força. Alecrim dourado inspira a história Dourado, sobre a aventura de três amigas contra um espírito bastante conhecido no folclore brasileiro, o corpo seco. Por fim temos Algo Teu, história baseada na cantiga Batatinha quando nasce, que conta a história de uma moça com poucas habilidades sociais mas que acaba indo até uma festa e aceitando um desafio muito perigoso.

Além de ser uma coletânea com uma série de cantigas infantis, as histórias ainda falam bastante sobre representatividade, superação e força de vontade. Todas as histórias são protagonizadas por garotas tendo que lidar com seus sentimentos controversos, sua sexualidade e suas amizades, aprendendo a acreditar em si mesmas e lidar com diversas situações.

As autoras são mulheres maravilhosas e escritoras competentes. Jana Bianchi escreveu Lobo de Rua, um dos grandes livros sobre lobisomens que já tive o prazer de ler (e quero escrever uma resenha dele em um futuro próximo). As outras autoras tem trabalhos maravilhosos com a literatura Young Adult.

As histórias valem um tempo de leitura, principalmente se você procura uma leitura tranquila para o fim de tarde e de noitinha, antes de dormir. Os contos realmente parecem aquelas que são contadas ao redor da fogueira, em um final de semana na fazenda, na casa de seus avós ou mesmo com seus amigos na sua sala, naquelas festas de pijama. É uma coletânea gostosa de se ler, rápida, fácil, e tem ótimas narrativas você gostando ou não de terror.

O livro pode ser comprado pela Amazon, para o Kindle: Cantigas no Escuro
Se você não possui um aparelho kindle, pode baixar os aplicativos pela loja da Amazon para seu celular, computador ou tablet clicando AQUI.

Jéssica Reinaldo

Jéssica Reinaldo

Formada em História, escreve e pesquisa sobre terror. Tem um afeto especial por filmes dos anos 1980, vampiros do século XIX e ler acompanhada de um café quentinho. Siga nas redes: Twitter | Facebook | Instagram

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários educados são sempre bem recebidos!

Mas não aceito nem tolero ofensas, comentários impossíveis de compreender, spams e qualquer tipo de intolerância.

Os comentários são moderados, por isso aguarde a aprovação!

Instagram